keeping the vibe

> 17 DE MAIO 2016

 

13010602_486608944876485_5510713260646150490_n

A dupla conhecendo a Av. Paulista em São Paulo

A dupla holandesa Volt & State – formada respectivamente por Martin Volt e Quentin State – aparecem como mais uma aposta das grandes labels para o mercado de música eletrônica em 2016. Eles já estão no hall daqueles “números impressionantes”: o remix da track de Orjan Nielsen (nome conhecido do trance) “Apart” conseguiu em pouco tempo mais de 1 milhão de plays no spotify. Além disso, são parte da “família Protocol” de Nicky Romero, da Spinnin que tem Martin Garrix, da Revealed de Hardwell e a Armada de Armin van Buuren. Em sua primeira vinda ao Brasil para apresentação no Tomorrowland Brasil, batemos um papo com eles para conhecermos melhor sua trajetória. Confira a entrevista na íntegra abaixo:

 

1. Para começar nossa entrevista, nos diga: como foi tocar no Tomorrowland Brasil deste ano? Você gostou do Brasil?

Sim, foi uma experiência louca, a primeira vez que fomos ao Brasil! Nós, obviamente amamos o clima e a vibração de São Paulo – teve também aquele impacto inicial, pois tem tanta gente diferente, mais do que em todo nosso país local!

02. Vocês escutam outros gêneros musicais além de música eletrônica?

Oh sim, nós ouvimos uma infinidade de gêneros: indie dance, trap, drum and bass, música orquestral, eletrônico, enfim, todo esse tipo de coisa! Ela nos ajuda a ganhar inspiração para as nossas próprias faixas. Pode ser detalhes como certos sons, mas também a maneira de organizar uma track.

 

03. Normalmente, onde suas inspirações vêm? Você tem ídolos que você segue e que inspiram vocês mais?

Quanto a outros gêneros que amamos M83, CHVRCHES, Tame Impala, Miike Snow, Drake …. E, gente que nos inspiram no segmento seriam Axwell, Ingrosso, Steve Angello, Avicii e Alesso.

04. Qual é a diferença entre trabalhar na suas próprias músicas, como em “Sandcastles” e em uma colaboração, como por exemplo, “Warriors” que vocês produziram com Nicky Romero?

A grande diferença foi que tivemos mais dificuldadespara moldar o vocal para “Warriors” do que para “Sandcastles” (aquele que amei desde ouvi-lo pela primeira vez). Com “Warriors” Nicky ajudou muito com a obtenção do vocal certo e realmente fazendo “a música” fora da track. Também a sua experiência sobre o que funciona na pista de dança veio a calhar para os detalhes da track.

13062474_487154951488551_2506221543984090164_n

Apresentação no Tomorrowland Brasil

05. O que mudou em seus sets ao vivo, e na maneira de produzir música desde que vocês começaram?

A coisa mais importante seria que nós tentamos evitar longos silêncios ou partes onde as pessoas não sabem dançar ao som da música. Nós também utilizamos vários vocais nas faixas que tocamos para que as pessoas possam cantar junto. Basicamente a maioria das faixas que tocamos são nossas próprias tracks editadas.

06. Onde e quando foi o evento mais inesquecível que vocês tocaram?

Brasil foi um dos melhores! A multidão estava super receptiva para tudo que estava acontecendo! É tão especial quando estão na mesma sintonia que você!

07. Se alguém fizesse um filme baseado em sua vida, qual seria a trilha sonora e por quê?

Provavelmente seria a nossa própria música; nós sempre tentamos ser um reflexo dos nossos sentimentos em nossa música. Nós só fazemos o que realmente sentimos.

08. Descreva Volt & State, enquanto no palco e vocês na vida particular – existem grandes diferenças?

Sim, nossa vida diária consiste principalmente de ser um nerd no estúdio durante toda a semana haha! No palco nós alternamos entre isso e realmente mergulhar em nossa jornada musical.

09. Como é a vida DJ de uma dupla? Você sempre concordam em tudo?

Não, nós temos gostos e opiniões muito diferentes sobre um monte de coisas, já que somos pessoas diferentes. É algo natural, e isso nos ajuda a desenvolver o nosso som na maioria das vezes. A parte divertida é que nós somos melhores amigos fora do mundo da música, então falamos sobre um monte de coisas  e também sobre música

13256471_494232084114171_343502577836161636_n

A dupla conhecendo o Tomorrowland Brasil

10. Diga-nos algo sobre seus planos futuros. Qualquer emocionante vindo por aí?

Temos um monte de collabs chegando, um com NEW_ID e também com Manse, Marcus Santoro e muito mais!

Nós terminamos uma faixa de rádio e duas tracks de clubes dos quais um será lançado pela Enhanced Recordings muito em breve!

11. Obrigado pela entrevista. Por favor, deixe uma mensagem para seus fãs brasileiros

Obrigado Brasil! Vejo vocês em breve!

Categoria(s):

dropsentrevistas

VEJA TAMBÉM:

A TRIBE - RENOVAÇÃO, COM OS PÉS FINCADOS EM SUA ESSÊNCIA

O TRIBE (sim, você não leu errado, já que trata-se de um festival) completa quinze anos e reúne 60 atrações internacionais e nacionais. Considerado um dos maiores eventos [...]

Jungle Party traz da Espanha o DJ Leo Blanco e a festa SuperMartXé

Um dos principais selos de festas de Ibiza, está de volta à São Paulo para abrir os trabalhos da "Pride Week SP 2016" com uma super festa.

10 sets, de 10 DJs que vão agitar a semana da Parada de SP

O PLUGtronic.com preparou uma seleção de 10 sets, de 10 DJs que irão se apresentar nas festas da "Pride Week SP 2016" e você TEM QUE CURTIR. Vem ouvir!
COMPARTILHAR > COMENTAR >

CONFIRA TAMBÉM...